O Rio de Janeiro em 1877

Uma comédia de costumes populares, satírica e burlesca de espetáculo, em três atos, escrita por Artur Azevedo. A história se desenrola a partir da visita do casal Zé Povinho e Opinião Pública ao Rio de Janeiro. O casal se desentende estimulados pela Política e o Boato, que o fazem abandonar esta cidade. No prólogo, são listadas as principais calamidades que assolavam o Brasil na época: a política, a febre amarela, a seca, a inundação, o capoeira, o cortiço etc.

Autor: Artur Azevedo
Gênero: Comédia
Personagens: 20 ou mais

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s